Bioenergia pode ajudar a conter as mudanças climáticas, diz ONU

0
2278

No entanto, o aumento desordenado da produção de culturas energéticas pode degradar a terra, impactar a segurança alimentar e o uso de recursos hídricos

ONU: o uso da bioenergia pode ajudar a limitar o aquecimento global a 1,5ºC ou bem abaixo de 2ºC nas próximas décadas (Brazil Photos / Colaborador/Getty Images)

A bioenergia pode ajudar na mitigação das mudanças climáticas globais contribuindo para diminuir a queima de carvão, petróleo e gás natural para geração de energia e, consequentemente, reduzindo a emissão de gases de efeito estufa para a atmosfera.

Pesquisadores brasileiros e estrangeiros que têm estudado o assunto defendem ser possível expandir o uso de bioenergia sem degradar o solo, comprometer a segurança alimentar ou os recursos hídricos.

O tema foi abordado pelo Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC, na sigla em inglês) da Organização das Nações Unidas (ONU) no seu mais recente relatório especial, lançado no dia 8 de agosto com o tema “Mudanças climáticas e uso da terra”, e em seu respectivo sumário para os formuladores de políticas.

Essa é uma seleção de conteúdo da Reed Exhibitions Alcantara Machado sobre o mercado. Para continuar lendo, visite o site Exame com a matéria completa.