Bacia de Campos recebe investimentos de R$10 bi em campos vendidos pela Petrobras
Imagem: Flickr

Segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, cerca de R$10 bilhões em investimentos estão previstos nos novos planos de desenvolvimento de 14 campos de águas rasas vendidos pela Petrobras na Bacia de Campos.

O investimento partiria de seus novos operadores: a BW, Perenco e Trident. Segundo o órgão, os valores podem dobrar se estes forem considerados atividades ainda contingentes, ou seja, dependente ainda do desenvolvimento dos projetos.

Por meio do portal PetroNotícias, sabemos que a Trident adquiriu dez campos que compõem os Polos Pampo e Enchova. Já a BW se tornou dona do campo de Maromba, enquanto a Perenco é nova operadora de Pargo, Carapeba e Vermelho.

Valores dos investimentos dos operadores na Bacia de Campos

Segundo o Valor Econômico, a Trident, oriunda do plano de desinvestimentos da Petrobras, – junto da BW e Perenco, – inicialmente irá investir R$5,6 bilhões.

Já a BW, investirá o valor de R$3,9 bi e a Perenco, R$1,1 bilhão. Fontes da ANP informam que a estratégia é de priorizar ativos de águas profundas, ainda com foco no pré-sal. A aliança servirá como sustentação para recuperação de possíveis perdas de poços produtores.

Os números apresentados levam em conta a cotação do dólar a R$5,50. O plano garante a revitalização das áreas, seguido de novas oportunidades em geração de emprego e renda na região.

Por fim, considerando a iniciativa, os planos de desenvolvimento também passam a conter uma previsão de produção de 500 milhões de barris de petróleo.

Quer continuar lendo notícias como essa? Assine a newsletter da Brasil Offshore e fique por dentro de todo o conteúdo de mercado que saem do portal Energia que Fala com Você.